Aurora boreal: O que é?, onde ver?

Anúncios

Populares nos filmes, as auroras boreais são muito bonitas e são fenômenos muito raros de serem vistos. Existem diversas pessoas que viajam os hemisférios em busca delas, só para tirar fotos ou aprecia-las dentro de um hotel com vista para céu aberto mas nem sempre isso é possível.

O que é?

A aurora boreal deriva de colisões entre partículas eletricamente carregadas do sol que entram na atmosfera da Terra. As luzes são vistas acima dos pólos magnéticos dos hemisférios norte e sul. Eles são conhecidos como ‘Aurora boreal’ no norte e ‘Aurora australis’ no sul. As auroras possuem várias cores, embora o verde pálido e o rosa sejam os mais comuns. Tons de vermelho, amarelo, verde, azul e violeta foram relatados. As luzes aparecem em muitas formas, desde manchas ou nuvens de luz dispersas até serpentinas, arcos, cortinas ondulantes ou raios que iluminam o céu com um brilho misterioso.

Imagem: NASA.gov

A aurora boreal acontece de forma mais técnica, quando o Sol em toda sua magnitude, envia para a Terra plasma solar (prótons, elétrons e neutrinos), por meio dos ventos solares. Isso é contínuo, ou seja, ele não para de enviar estes materiais em nenhum momento. 

Já os ventos ou tempestades que potencializam a Aurora Boreal são frutos de explosões, rompimento de filamentos ou de movimentações da coroa solar devido à rotação do Sol.

Onde ver? Quando ver?

As luzes do norte ocorrem mais comumente na área geográfica abaixo da aurora oval . Abrange latitudes entre  60 e 75 graus  e abrange a Islândia, partes do norte da Suécia, Finlândia, Noruega, Rússia, Canadá e Alasca, bem como o sul da Groenlândia.

É possível ver o céu colorido durante a noite ou no fim da tarde nos meses de fevereiro, março, abril, setembro e outubro, quando a atividade solar é maior. 

Fatos interessantes

• O nome Aurora Boreal foi criado pelo cientista Galileu Galilei no ano de 1619. Trata-se de uma homenagem à Aurora, deusa romana do amanhecer, e Borias, seu filho, representante do vento norte.

• As luzes do norte e do sul, ou aurora austral, ocorrem simultaneamente, mas as estações inversas significam que geralmente não são visíveis ao mesmo tempo.

Tromsø – Noruega

• Um dos lugares preferidos para presenciar o fenômeno é na cidade de Tromsø, na Noruega.

• A maioria dos planetas do Sistema Solar , alguns satélites naturais , anãs marrons e até cometas também hospedam auroras.

A matéria acabou mas muita calma nessa hora!

Já pensou em aprender a desenhar do zero, o que você quiser? O curso da Método Fanart já ajudou mais de 100 mil pessoas de todas as idades a realizarem o sonho de aprender a desenhar.

Clique aqui e prepare-se!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: