Hotel cecil: marcado por histórias de terror

O Hotel Cecil, foi construído em 1924 por três hoteleiros William Banks Hanner, Charles L. Dix e Robert H. Schops como um destino para viajantes a negócios e turistas. Chegando a custar US $ 1,5 milhões para ser concluído e ostentava um opulento saguão de mármore com vitrais, palmeiras em vasos e estátuas de alabastro. A maior parte dos hotéis estavam no centro da cidade, mas esse especificamente, estava um pouco mais distante e dentro de cinco anos de sua inauguração, os Estados Unidos acabaram se afundando na Grande Depressão em 1929 levando o hotel para um caminho sombrio.

Um pouco do que é o Skid Row, região aos redores do hotel.

Embora o hotel tenha florescido como um destino top ao longo dos anos, algumas décadas seguintes viram o hotel declinar, à medida que a área próxima conhecida como Skid Row (lugar conhecido como a maior cracolândia dos EUA) se tornou cada vez mais povoada. Cerca de 8.000 desabrigados viviam em um raio de 6 km e o número naquele tempo só aumentou, então, não demorou muito para que o local se torna-se um foco gigantesco de violência.

As primeiras mortes

Em 1927 ainda antes da grande depressão, ocorreu o primeiro suicídio documentado no Hotel Cecil, quando Percy Ormond Cook com 52 anos, atirou na própria cabeça em seu quarto de hotel depois de falhar ao tentar se reconciliar com o seu filho e com a esposa.

Já na grande depressão, veio logo a segunda morte que ocorreu quando um hóspede chamado WK Norton, morreu no quarto dele depois de tomar cápsulas de veneno em 1931.  O hotel em apenas 5 anos já contava com 2 mortes, sem contar as que ocorriam do lado de fora dele que possivelmente eram várias.

O hotel começou a ter crimes cada vez mais diferentes e assustadores ao longo de sua existência. Contabilizando após a morte de Norton, 16 mortes das mais variadas formas, como: assassinatos, suicídios pulando da construção, envenenamento, mortes sem causas definidas e muitas outras que ainda nem foram descobertas.

O caso mais popular

Elisa Lam, caso mais popular do hotel [Foto: Wikipedia]

Até hoje se comenta bastante sobre o caso da Elisa Lam que aconteceu nesse hotel e mexeu com toda a internet mesmo que anos depois do acontecimento. O caso , ocorreu em 2013 mas só foi ganhar relevância em 2019-2020 graças a internet.

A estudante canadense, havia sido encontrada dentro de um dos tanques de abastecimento de água no telhado do hotel.  Seu corpo em decomposição foi descoberto por um funcionário da manutenção em um dos tanques de água do telhado depois que os hóspedes reclamaram da baixa pressão da água e da água que tinha um “gosto estranho”.

Com várias imagens que as câmeras coletaram de todo o trajeto feito por ela, dentro do elevador é que o caso ficou conhecido, ela parecia estranha, pressionando vários botões do elevador, se escondendo no canto do elevador e agitando os braços freneticamente, causando uma sequência gigante de teorias pela internet. A policia acabou designando o caso como um tipo de afogamento acidental mas verdadeiramente o caso não tem nenhuma conclusão de que isso envolveu alguém se não ela mesma.

Um fato curioso é que esse hotel já chegou a hospedar dois dos mais renomados assassinos em série da América: o “Night Stalker” Richard Ramirez e Jack Unterweger, não é possível entender como ele ainda continuou aberto.

Hotel Stay on Main atualmente [Foto: Oficial do Stay on Main]

Atualmente o Cecil é considerado um Monumento Histórico-Cultural , por representar um hotel americano do início do século 20, tendo para o governo uma importância histórica com sua arquitetura antiga. Apesar da reputação negativa, o Cecil Hotel (agora com o nome de Stay on Main) está funcionando normalmente como um hotel 2 estrelas e também tem uma série no Netflix que conta a antiga história de terror desse hotel.

O curso GAME ART TOTAL tem o objetivo de ensinar os alunos a criarem artes para jogos 2D e 3D, desde os primeiros passos.

CURSO GAME ART TOTAL Funciona? Crie artes profissionais para jogos!Clique Aqui e se prepare para criar um jogo TOP!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: